Geral Novo Socorrão

Clayton Noleto destaca andamento do Novo Socorrão de Imperatriz

Em um espaço total de 62 mil m², a unidade de saúde inicialmente terá mais de 130 leitos, podendo haver expansão em até 400 leitos e atendimentos de urgência e emergência.

08/12/2021 15h30 Atualizada há 2 meses
Por: Carlos Leen
Serão 17 mil metros quadrados de área construída, o que possibilita esta futura expansão, caso haja necessidade.
Serão 17 mil metros quadrados de área construída, o que possibilita esta futura expansão, caso haja necessidade.

O Novo Socorrão de Imperatriz já é quase uma realidade. Em franco andamento, a construção da mais nova unidade pública de saúde da cidade não tardará a ser finalizado.

Em um espaço total de 62 mil m², a unidade de saúde inicialmente terá mais de 130 leitos, podendo haver expansão em até 400 leitos e atendimentos de urgência e emergência.

Serão 17 mil metros quadrados de área construída, o que possibilita esta futura expansão, caso haja necessidade.

“É uma verdadeira revolução na saúde para Imperatriz”, destacou o Secretário de infraestrutura do Estado Clayton Noleto.

O hospital ficará localizado ao lado do Macrorregional Drª Ruth Noleto, formando um complexo de saúde. A unidade vai dispor de uma estrutura moderna que vai proporcionar um atendimento digno de urgência e emergência para a população da cidade. 

“O novo Socorrão de Imperatriz faz parte de uma rede de saúde que tem sido construída em todo o Maranhão desde 2015, sob o comando do governador Flávio Dino. Em São Luís está sendo construído o Hospital da Ilha, novo hospital de urgência e emergência, em Imperatriz nós já temos em funcionamento o Hospital de alta e média complexidade que é o Macrorregional. E agora mais um investimento com o Socorrão, que será um hospital de portas abertas, de urgência e emergência. As obras já irão iniciar na próxima semana e vamos trabalhar para que seja concluída o quanto antes para que esse equipamento funcione em breve e atenda a toda a população”, disse Clayton Noleto.

A inauguração está prevista para o início do segundo semestre de 2022. Para pesquisadores da área de Saúde, o novo hospital trará maior agilidade no atendimento de urgência e emergência aos pacientes da segunda maior cidade do estado fechando um ciclo de serviços implementados pela gestão do atual Governador Flávio Dino. (Por Fabrício Oliveira)

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.